• icone conteudo
  • icone contraste
  • icone contraste
31/08/2016

Cerimônia de abertura do evento ocorreu no auditório da reitoria da UFRN (Foto: LTE/CE)

O VII Seminário Nacional sobre Educação e Inclusão Social de Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais, que nesta edição traz como tema ''Políticas Atuais de Educação Especial numa perspectiva inclusiva: desafios relativos à prática e à formação docente '', foi lançado na manhã desta quarta-feira, 31, no auditório da Reitoria da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).


Organizado pelos integrantes da Base de Pesquisa sobre Educação de Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais da UFRN, o seminário tem como objetivo enriquecer o conhecimento científico sobre a inclusão de pessoas com necessidades educacionais especiais, contribuir para o aprofundamento e reflexão de novos modos de construir, apropriar e difundir os conhecimentos gerados por experiências e pesquisas na área.


A cerimônia de abertura do VII Seminário Nacional sobre Educação e Inclusão Social de Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais teve início com o discurso da coordenadora do evento, professora Lúcia de Araújo Martins, que deu as boas as vindas aos presentes e falou sobre o desenvolvimento das atividades. Na sequência, o vice diretor do Centro de Educação, professor Jeferson Alves, falou sobre a importância do evento e comentou a atual conjuntura do cenário político no país. Logo depois, representando a reitora da UFRN, Ângela Paiva Cruz, o presidente da Comissão Permanente de Apoio a Estudantes com Necessidades Educacionais Especiais (CAENE), Ricardo Lins, oficializou a abertura do evento.


Em seguida, a professora Rosângela Gavioli Prieto, da Universidade de São Paulo (USP), proferiu a conferência "Políticas atuais de Educação numa perspectiva inclusiva: desafios à formação e à prática pedagógica". Em sua fala, a professora ressaltou a formação de professores e os desafios das práticas pedagógicas para a educação especial, destacando o Atendimento Educacional Especializado (AEE) como instrumento de proposta pedagógica para auxiliar na educação inclusiva.


A programação do seminário tem continuidade na tarde de hoje, a partir das 14h, com palestras, minicursos e oficinas, distribuídos nos auditórios do NEPSA 2, e no Centro de Educação, na sala multimeios 2 e auditório.


O evento segue até a próxima sexta-feira, 02. Durante o período do seminário, diversas atividades ainda serão realizadas, como mesas-redondas, apresentações culturais e sessões de pôsteres e de comunicação oral.  


Para mais detalhes sobre a programação do VII Seminário Nacional sobre Educação e Inclusão Social de Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais, acesse: http://7seminarioeducacaopnee.com.br/informacoes.htm#programacao. 

« Voltar